DESTINO DOS SONHOS : CONHEÇA AS ILHAS MALDIVAS

Destino dos sonhos: conheça as Ilhas Maldivas

As Ilhas Maldivas é certamente um dos destinos que estão na suas viagens dos sonhos, não é mesmo? A República das Maldivas é um pequeno país insular situado no Oceano Índico ao sudoeste do Sri Lanka e da Índia, ao sul do continente asiático, constituído por 1.196 ilhas, das quais 203 são habitadas. As ilhas encontram-se rodeadas de lagunas de águas azul-turquesa de pouca profundidade envolvidas por recifes de corais, com praias de areia branca e peixes de imensas cores brilhantes, tornando este destino tropical, único no mundo.
maldivas (8)maldivas (7)
Em qualquer uma das ilhas a sensação é de se estar em algum lugar parecido com o paraíso, cercada de paisagens maravilhosas, águas calmas e limpas, e temperaturas elevadas para refrescar a mente e relaxar neste paraíso.
As Maldivas tem um recorde mundial de ser o país com a mais baixa altitude do mundo, o ponto mais elevado está a 2,3 metros do nível do mar, e a altitude média do país é de 1,5 metros e a maioria do território habitado está apenas a um metro de altitude. A capital, Malé, está a 90 centímetros do nível do mar e vivem 100 mil pessoas.
O Oceano Índico funciona como uma reserva de calor, absorvendo, armazenando e liberando lentamente o calor tropical. A temperatura das Maldivas varia entre 24 °C e 33 °C durante todo o ano. Embora a umidade seja relativamente alta, a constante brisa fresca do mar mantém o ar quente em movimento.
maldivas (1)maldivas (2)maldivas (3)maldivas (4)maldivas (5)maldivas (6)maldivas (9)maldivas (10)maldivas (11)maldivas (12)maldivas (13)maldivas (14)
Qual a melhor época para conhecer as maldivas:
O clima das Maldivas é caracterizado por ser tropical úmido. A temperatura é constante ao longo do ano, variando entre os 26ºC e os 30ºC. Existem duas estações distintas durante o ano. De Dezembro a Abril, as Maldivas encontram-se sob a influência da monção de Nordeste com pouca precipitação e dias mais longos.
Entre Maio e Novembro, o arquipélago encontram-se sob a influência da monção de Sudoeste, com precipitação relativamente abundante (média de 200 mm por mês) e umidade relativa elevada. Este período é considerado época baixa. No entanto, viajar neste período pode ser uma boa opção, pois os hotéis são mais baratos e é muito pouco provável que chova mais do que um a dois dias seguidos. Para além disso, as temperaturas são sempre elevadas, e o sol é de uma permanência constante.
Formalidades para visitar as Maldivas:
Para visitar as Maldivas é necessário passaporte válido. A todos os turistas será concedido um visto gratuito por 30 dias à chegada ao aeroporto de Malé. O transporte do aeroporto para o resort encontra-se normalmente contemplado no pacote de viagem adquirido. Existem 3 formas de se deslocar do aeroporto para o seu hotel: de dhoni (barco tradicional), de barco rápido ou de hidroavião.
Fonte:http://guiaviajarmelhor.com/destino-dos-sonhos-conheca-as-ilhas-maldivas/
Ilhas Maldivas

Sol, areia e mar, mais de mil ilhas. Não há lugar tão azul na Terra, nem com tantos azuis.
As Ilhas Maldivas são um arquipélago de aproximadamente 1.190 ilhas e ilhotas, enfileiradas ao longo do Oceano Índico, próximo da Índia e do Sri Lanka. Embora as Maldivas continuem sendo um dos países mais pobres do mundo, seus recursos naturais seduzem turistas do mundo todo com a promessa de ser "o último paraíso em Terra".
E se sua idéia de paraíso é uma ilha tropical e primitiva com árvores dançando ao toque de uma suave brisa, praias de areias brancas como talco, e mar cor turquesa brilhante, então a Maldivas não desapontará. Algumas dessas pequenas ilhas se transformaram em verdadeiros oásis de prazer em meio a uma das paisagens mais deslumbrantes do mundo. Nessas ilhas, charmosos hotéis de lazer abrigam com todo o conforto os turistas, em sua maioria europeus que, por enquanto, parecem ser os únicos a descobrir que o verdadeiro paraíso na terra, está ali.
A cultura local foi transformada com um série de influências. Por sua localização geografica, era ponto estratégico na rota dos navegadores em suas cruzadas para o Oriente. Tanto os ingleses como os indianos exerceram poderes sobre o governo das Maldivas. A sua religião, inicialmente era a budista, foi convertida para o islamismo no início do século XII. Os portugueses tiveram um curto domínio das Maldivas século XVI.

- Procurando um lugar espetacular para passar a sua lua-de-mel?
Que tal uma noite numa suíte embaixo da água, no luxuoso Conrad Rangali Island Maldives Hotel? Inclui champanhe, café da manhã e a companhia encantadora de muitos peixes.
Nas Ilhas Maldivas os pratos principais são peixes, arroz e frango, sempre muito temperados, conseqüência da influência indiana em sua culinária. A principal cidade do país é a capital Malé que fica em uma ilha ao centro do arquipélago. Cerca de 70.000 pessoas moram na cidade que tem 2 km de comprimento por 1 km de largura em sua região mais larga. A venda de bebidas alcóolicas é proibida. Porém essas leis não imperam nos resorts, para alegria dos turistas. A religião islâmica não permite a exibição dos ombros e joelhos em algumas de suas cidades principais, como Malé. Este é um dos motivo dos resorts estarem nas ilhas desabitadas, afastados do povo local para prevenir os efeitos da influência dos turistas em seus costumes.
No passado, as Maldivas foram exploradas apenas por aventureiros e mergulhadores, por causa das belezas de a pequena infra-estrutura hoteleira. A partir dos anos 70 o turismo passou a ser observado como uma fonte de renda e hoje existem mais de 50 resorts, todos nas pequenas ilhotas. Longe de figurar como um pólo de turismo de massa, as Maldivas despontam como um dos pontos mais belos e exóticos do planeta.
 Fonte:http://behappyviagens.com.br/gallery/ilhas-maldivas/


Guia de Viagem Maldivas – ilhas paraíso


As Ilhas Maldivas são realmente um dos paraísos na Terra. Mas o que têm de tão especial? EsteGuia de Viagem Maldivas vai mostrar-lhe tudo o que precisa de saber sobre estas ilhas do Oceano Índico.
Vai encontrar mapas, guias para comprar bilhetes de avião e critérios para escolher hotéis, atividades a não perder, artigos sobre a capital Malé, transportes, conselhos/dicas de viagem, clima e melhor altura do ano para viajar para as Maldivas, etc. Tudo isto com imensas fotos das Maldivas e informações que lhe vão mostrar como aproveitar para fazer coisas únicas.
Se ainda não estava convencido a fazer uma viagem às Maldivas, vai decidir-se aqui, com certeza. Na verdade, é incrível como pode existir um país assim, composto por tantas ilhas espalhadas pelo oceano e com um povo tão simples e acolhedor. 
Estas ilhas não se comparam a nada mais no mundo e, com o aquecimento global e a subida das águas do mar, estima-se que as Maldivas desapareçam por completo perto do século XXII. Mais uma razão para visitar o paraíso.
Guia de Viagem Maldivas

Férias nas Maldivas

turismo nas Maldivas está extremamente bem organizado e apela a vários tipos de turistas. É claro que umas férias nas Maldivas vão incluir sempre o tal cenário incrível de ilhas cobertas de palmeiras, praia de areias brancas e águas transparentes cheias de vida que refletem o azul profundo do céu.
Mas, ainda assim, como vai poder ler neste Guia de Viagem Maldivas, não há apenas uma resposta para a pergunta “O que fazer nas Maldivas?“, existem atividades suficientemente diversificadas para agradar a muitas pessoas e razões quase infinitas para fazer uma viagem às Maldivas. Aqui ficam algumas.
  • Não há turismo de massas – devido aos preços das Maldivas (e de outros destinos tropicais) serem pouco acessíveis aos viajantes com menos dinheiro ou os de mochila às costas
  • Os resorts das Maldivas são de grande qualidade – superior a luxo extremo
  • Não há crime ou trânsito nos hotéis – cada um está instalado na sua própria ilha “desabitada”, ou seja, toda a ilha só está ocupada pelas instalações dos hóspedes e dos funcionários do hotel
  • É praticado o turismo sustentável – os viajantes preocupados com o ambiente (não somos todos?) vão gostar de saber que o turismo nestas ilhas é considerado como um modelo de sustentabilidade e amigo do ambiente
  • Mundo subaquático riquíssimo – dos mais fascinantes a nível mundial para os adeptos do mergulho com garrafa mas também para qualquer pessoa equipada com óculos de mergulho e barbatanas (para fazer snorkeling) ou mesmo uns simples óculos de natação
  • A capital do país, Malé – esta cidade situa-se numa das maiores ilhas das Maldivas, repleta de mesquitas e mercados e com uma vida mais que vibrante devido à sua enorme densidade populacional

Quem deve, então, fazer férias nas Maldivas?

Depois de listar as razões para fazer a sua viagem, parece-me que este destino é o ideal para estes tipos de viajantes.
  • Apaixonados pela ideia de estar numa perfeita ilha tropical
  • Amantes de passeios de barco à vela ou a motor
  • Pessoas que queiram descansar num resort com todas as comodidades para dormir, comer e divertir-se
  • Eco-turistas
  • Entusiastas de desportos aquáticos
  • Mergulhadores com experiência ou quem queira experimentar mergulho ou tirar cursos
  • Surfistas
  • Casais em Lua-de-Mel
  • Todos aqueles que queiram descanso no tal paraíso, completamente diferente de tudo o que já viu, sem stress e bem longe de casa
Guia de Viagem Maldivas, criança

A minha viagem às Maldivas

Esta Guia de Viagem Maldivas é baseado em muita investigação mas, essencialmente, na minha viagem em 2002, em lua-de-mel, durante 15 dias. Pode parecer muito tempo para ficar numa ilha com duas ou três centenas de metros mas asseguro-lhes que fiz coisas diferentes praticamente todos os dias.
Aproveitei ao máximo as atividades no hotel ou nele divulgadas e fiz de tudo: voar num hidroavião, andar de submarino, curso de mergulho, muito snorkeling, desportos aquáticos com motor ou à vela, estive 3 vezes na capital Malé, visitei outras ilhas, experimentei todos os restaurantes do hotel e comi como um rei, etc, etc. De todas estas atividades lhe dou conta no artigo O que fazer nas Maldivas.
Guia de Viagem Maldivas, barcos
Admito que uma viagem de avião para as Maldivas e a estadia num resort não são propriamente baratas mas, comparado com outros destinos tropicais de praias exóticas e “de sonho” como as Maurícias, Bora Bora (Polinésia), Seychelles, Bahamas, Phuket e Ilhas Phi Phi (Tailândia), Bali (Indonésia) ou Hawaii, os preços das Maldivas são bastante acessíveis ou semelhantes.
Se considerarmos que uma lua-de-mel é algo que só acontece uma vez na vida (ou duas, ou três, claro), considero que este destino é um dos melhores na relação preço/qualidade/originalidade, para quem quer descontrair durante uma semana ou duas, sem deixar de experimentar coisas novas, como pode ver neste vídeo do Turismo das Maldivas.

Preparei, então, este Guia de Viagem Maldivas para o ajudar a planear umas férias únicas num local que não escapou à influência dos portugueses durante o século XVI. Siga os links do índice para navegar pelos diversos artigos e comente-os, faça perguntas, deixe relatos da sua própria viagem. Ajude a fazer com que este guia se torne ainda mais rico.

Paraíso, aqui vamos nós!

Fonte:http://www.fotoviajar.com/maldivas/guia-viagem-maldivas-ilhas-1

Postagens mais visitadas deste blog

PRAIA BRASILEIRA É ELEITA A MELHOR DO MUNDO

8 PARAÍSOS DO NORDESTE PARA ESQUECER DA VIDA